'Um dia amargo pra gente', diz Ricardo Oliveira, sobre empate do Galo com o Patrocinense

O atacante Ricardo Oliveira, na partida deste domingo

O atacante do Atlético Ricardo Oliveira lamentou de forma enérgica o empate cedido para a Patrocinense, neste domingo (28), no Independência, em partida pelo Campeonato Mineiro. "Tudo amargo. Não é só um sabor amargo, é um dia amargo pra gente. Vacilamos muito no segundo tempo, não matamos o jogo. Temos que escutar o torcedor insatisfeito. É assim", disse.

A atuação do atacante, que ainda não marcou pelo Galo, foi defendida pelo ténico Oswaldo de Oliveira, em coletiva ao final da partida.

O goleiro Victor também lamentou a derrota e disse que o time se acomodou na partida. “A gente acabou acomodando no resultado construído no primeiro tempo. A equipe está em formação - isso não serve de desculpa -, mas ainda temos que evoluir no sentido de entrosamento e organização. Temos que corrigir. E temos que estar mais concentrados”, cobrou o arqueiro.

Questionado se esse não é o momento do time principal fazer mais jogos (o técnico Oswaldo de Oliveira tem alternado reservas e titulares nos primeiros jogos dos ano), Victor afirmou que essa decisão deve ser tomada pela comissão técnica. “Isso é algo a ser conversado com a comissão dentro do planejamento feito”, afirmou.

(Hoje em Dia)


camara RedeHoje 686x113px0812